Notícias

Monitoramento OCR: investimentos em segurança resultam em mais apreensão de veículos
ocr
Protecta
fevereiro 6, 2021

Monitoramento OCR: investimentos em segurança resultam em mais apreensão de veículos

Fonte: https://jundiai.sp.gov.br/ – Publicada em 06/02/2021 às 14:00

Com uma integração que abrange diversas cidades do interior paulista, o sistema OCR (sigla em inglês que lê os caracteres dos veículos) apresenta resultados positivos em Jundiaí, a partir da operacionalização pela Guarda Municipal da Prefeitura de Jundiaí. O sistema é uma das principais ferramentas na busca por criminosos e veículos com queixas.

Desde 1º de janeiro deste ano, 35 veículos que constam no banco de dados da Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ) foram abordados, desses, 21 eram de solicitações de delegacias, ou seja, eram veículos ou condutores envolvidos em crime. No comparativo com janeiro de 2020, o número é 33% superior. Na época, 14 veículos foram abordados e conduzidos às delegacias por suspeitas de práticas em delitos.

“A Divisão de Inteligência da Informação da Unidade de Gestão de Segurança Municipal monitora, dia e noite, os veículos. A eficiência e a consolidação do sistema resultam na recuperação de veículos”, comenta o diretor da Unidade de Gestão de Segurança Municipal, Diógenes Torqueto Sallas.

Segundo Diógenes, o crescimento dos números em 2021, se deve à ampliação do monitoramento com o aumento de número de câmeras do OCR em pontos estratégicos da cidade. “Em 2020, a Guarda Municipal realizou investimentos na ampliação de câmeras, além do remanejamento de equipamentos, o que nos trouxe números significativos nas apreensões”, explica.

Em números

O sistema de vigilância eletrônica municipal conta com 102 câmeras que leem diariamente os veículos que circulam na cidade, 187 câmeras próprias, sendo 85 de videomonitoramento (CFTV), em pontos estratégicos da cidade.

O sistema é operado no Centro de Controle Operacional pelas equipes de inteligência da Guarda Municipal e colabora para a solução de diversos casos que estão em investigação pela Polícia Civil.

Na região do Jardim Santa Gertrudes, Vila Comercial, Vila Maringá e Serra do Japi cinco câmeras de videomonitoramento já estão em funcionamento e outras 55 serão instaladas.

Segundo o Comandante da GMJ, Benedito Marcos Moreno, a integração entre as forças de segurança também é um dos motivos para o crescimento do número de veículos apreendidos. “Além da Polícia Civil, força de segurança com a qual temos contatos diretos, as Guardas Municipais de outras cidades também são aliadas no combate à violência, além da coirmã Polícia Militar”, conta Moreno.

Um dos recentes casos de flagrante das câmeras que leem os caracteres dos veículos foi a localização de um suspeito que se apresentava a menores de idade no bairro Santa Gertrudes.

No caso, o veículo – um Renault Kwid, cadastrado no sistema OCR da Guarda Municipal a pedido da Delegacia de Investigações Gerais – foi visualizado transitando em Jundiaí e detido no Jardim Bela Vista. Tanto o suspeito quanto o veículo foram encaminhados à Delegacia de Investigações Gerais. O veículo foi recolhido e o suspeito ficou à disposição da justiça.